A partir de quarta-feira (01), os brasileiros estarão proibidos de entrar em países que integram a União Europeia (UE). Estados Unidos e Rússia também estão entre as nações que não poderão visitar a Europa até que a pandemia de coronavírus esteja controlada.

A lista foi elaborada em reunião com embaixadores de 27 integrantes da UE e do espaço Schengen (que engloba Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suíça) na sexta-feira (26/06). A ideia é reativar o turismo da região, mas deixando de fora turistas que partem de locais onde a epidemia ainda é ativa.
A lista não é compulsória, ou seja, cada país pode ser soberano em sua decisão; e será atualizada a cada duas semanas.

Caso o número de casos diminua e a situação melhore em nacionalidades como Brasil, EUA e Rússia, moradores desses locais podem voltar a entrar na Europa. O único país latino-americano autorizado neste momento é o Uruguai.

Países com forte setor turístico, como Portugal e Grécia, são a favor de um relaxamento mais amplo, enquanto nações como a Dinamarca defendem regras rígidas.