Chegou à Anápolis a exposição “S/A – Uma sociedade cada vez mais anônima”, que tem como proposta desafiar o gosto estético coletivo, com obras que abordam a violência que transpassam as relações modernas e mercantilização do pensamento que acaba formando indivíduos alienados. A mostra está acontecendo desde o dia 14 de abril, no Museu de Artes Plásticas de Anápolis (Mapa), na Praça Americano do Brasil, Centro, e deve ficar até o dia 30 de abril. A entrada é gratuita.

A sigla que dá nome à exposição significa Sociedade Anônima, ironizando o termo jurídico que intitula empresas que funcionam por meio da divisão de capital em ações e a relação de “subordinação” dos grandes conglomerados com a população.

“Esse trabalho é um desdobramento da minha exposição ‘A vida é bélica’ (2015), onde eu levanto o debate sobre questões políticas por meio da arte urbana. Busco sempre abordar em meus trabalhos temas atuais da sociedade como imigrações, conflitos, capitalismo, recursos naturais e muito mais”, explicou o artista plástico, Edney Antunes.

No total são dez obras, das quais sete são telas, dois objetos e uma instalação, que foram produzidas por meio de diferentes técnicas ao longo de 2017, entre elas: tinta acrílica, spray e carvão.

A exposição é uma parceria da Prefeitura de Anápolis, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, com a Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte de Goiás (Seduce).

Serviços:

Exposição S/A – Uma sociedade cada vez mais anônima

Data: 14 a 30 de abril.

Local: Museu de Artes Plásticas de Anápolis (Mapa), na Praça Americano do Brasil – Centro.

Horário: 8h às 18h

Contato: (62) 3902-2537.

Fonte: Ascom – Prefeitura de Anápolis