Conhecido na plataforma como Vovô Luiz Alberto, o youtuber começou a sua trajetória através de uma brincadeira com os amigos

Ficar famoso na internet não é para qualquer um… Afinal, tem muita gente no ambiente virtual disputando likes, buscando compartilhamentos, enfim, muita gente, mesmo, querendo mostrar o que faz na rede mundial de computadores, através de diversas plataformas de comunicação e redes sociais.

Um anapolino está fazendo sucesso como youtuber. E, tudo começou com uma brincadeira. Luiz Alberto de Oliveira Nunes, então com 57 anos de idade, brincava com os amigos – e eles riam disso – que um dia iria se aposentar pelo Youtube, a maior e mais conhecida plataforma mundial de compartilhamento de vídeos, criada em 2005 por três ex-funcionários do PayPal: Chad HurleySteve Chen e Jawed Karim. No final de 2006, a gigante Google, que dispensa apresentações, comprou o YouTube num negócio de US$ 1,65 bilhão.

Mas, voltando à história de Luiz Alberto, ele, de fato, encarou a brincadeira que arrancou risadas dos amigos. O primeiro passo foi pesquisar, usar a plataforma e, a partir daí, produzir vídeos. O primeiro, ainda em 2013, era o resumo de um casamento. Depois, outros pequenos vídeos mostravam a sua vida social na igreja. Já no ano seguinte, em 2014, veio a publicação mais expressiva: uma receita de remédio caseiro para labirintite.

“Então, houve uma animação da minha parte em fazer um canal de utilidade pública, ensinando as pessoas como fazer pequenos consertos domésticos, já que eu tinha facilidade em fazer reparos em tudo que se estragava”, conta Luiz Alberto.

Ainda, segundo ele, depois de muita pesquisa e dificuldades, conseguiu se cadastrar no Adsense e, no dia 13 de março de 2015, obteve do Google uma carta com o número do pin, autorizando o cadastro no Adense, o que lhe garantia a possibilidade de monetizar o canal. Ou seja, ganhar dinheiro.

“De lá para cá o canal só tem crescido”, comemora Luiz Alberto, que se transformou na figura conhecida no YouTube como Vovô Luiz Alberto. Ele ressalta que a receita do sucesso do canal é a simplicidade, a utilidade. “Gravo e publico o meu dia-a-dia, consertando e criando soluções para pequenos problemas no lar, no escritório, também fazendo receitas caseiras”, explica.

E, quem buscar o canal do Vovô Luiz Alberto, vai ver lá que ele tem um carinho especial para com as crianças e faz vídeos brincando de carrinho, por exemplo. Coisa que anda meio esquecida e fora de moda, aliás, mas, que ele faz questão de resgatar, mostrando que essa brincadeira pode ser muito mais divertida do que os joguinhos no celular dos pais.

“Depois de quatro anos e 10 meses, em 16 de janeiro de 2019, às 21h53, completei os 100.000 inscritos no canal”, detalha Luiz Alberto, que ganhou o Silver Play Button (botão de reprodução prateado, na tradução literal), ou seja, a placa de prata, que premia os criadores de conteúdo que atingem a marca de 100 mil inscrições em seus canais no YouTube. Ainda tem pela frente o Gold Play Button (botão de ouro), para um milhão de inscritos; e o Diamond Play Button (botão de diamante), para 10 milhões de inscritos.

E, para ficar registrado, de janeiro para cá, ou seja, em sete meses, o youtuber anapolino já agregou mais 69.500 seguidores, aumentando, em média, 330 novos inscritos por dia e com 33.300 visualizações por dia. Se a aposentadoria virá mesmo pelo YouTube, ainda não se pode dizer. O caminho é longo e difícil, mas, Vovô Luiz tem muito a comemorar com a sua, determinação, sua conquista e sucesso.

Curiosidade

Segundo o site www.quantoganha.org, um youtuber ganha U$1 a cada 1.000 acessos. Com cem mil visualizações, o valor a ser retirado sobe para R$ 400 (cerca de U$100 dólares). Para uma retirada de R$ 4.000 mensais, é necessário que um milhão de internautas – por mês – clique nos vídeos postados no canal. Pensa que é fácil?

Fonte: Jornal Contexto